A prática social como o ponto de partida e o ponto de chegada da reconstrução histórica das instituições escolares

  • Maria Isabel Moura Nascimento
  • Manoel Nelito Matheus Nascimento

Resumo

Este artigo aborda o processo de reconstrução histórica de instituições escolares com o objetivo de apresentar o percurso de produção das pesquisas históricas desenvolvidas pelo Grupo de Estudos e Pesquisa "História, Sociedade e educação" dos Campos Gerais - PR - Histedbr/UEPG. O texto está organizado em três partes: a primeira aborda a perspectiva teórico-metodológica adotada nas pesquisas históricas sobre as instituições escolares. Na segunda parte buscamos discutir o processo empírico de levantamento e análise das fontes históricas das instituições escolares. A terceira parte apresenta as pesquisas coletivas e individuais desenvolvidas pelo grupo de pesquisa Histedbr/UEPG tendo como objetivo a reconstrução da história das instituições escolares no Paraná.



Publicado
Nov 25, 2016
Como Citar
NASCIMENTO, Maria Isabel Moura; NASCIMENTO, Manoel Nelito Matheus. A prática social como o ponto de partida e o ponto de chegada da reconstrução histórica das instituições escolares. Quaestio: revista de estudos em educação, [S.l.], v. 18, n. 3, p. p. 625-634, nov. 2016. ISSN 2177-5796. Disponível em: <http://periodicos.uniso.br/index.php/quaestio/article/view/2843>. Acesso em: 27 abr. 2017.
Seção
Dossiê - História da Educação: instituições e processos de escolarização

Palavras-chave

História da educação. Instituições escolares. Histedbr/UEPG.