O desempenho dos estudantes no vestibular e a permanência nos cursos de graduação da UNEMAT

Palavras-chave: Acesso, Permanência, Educação superior, Desempenho acadêmico

Resumo

Esse estudo analisa a permanência a partir das correlações entre o desempenho dos estudantes no vestibular e durante a graduação. Teve como questão: o desempenho dos estudantes no vestibular está correlacionado com a permanência destes nos cursos de graduação da Unemat - Campus/Cáceres? Caracteriza-se como pesquisa descritiva e adota a perspectiva quanti-qualitativa. A coleta de dados realizou-se por meio da pesquisa bibliográfica e da análise documental. Envolveu 953 ingressantes nos 12 cursos de graduação do campus de Cáceres. Os dados evidenciaram: idade média no ingresso (23 anos), desempenho médio no vestibular (3,88), desempenho médio na graduação (6,19). Em relação ao fluxo acadêmico: conclusão 27%, evasão 37%, retenção 32%, transferências 4%. Verificamos correlações significativas em 20% dos cruzamentos realizados. Dos resultados verificamos que maiores desempenhos no vestibular associam-se a melhores desempenhos durante a graduação, influenciam a permanência e os índices de conclusão, evasão e retenção. Concluímos apontando algumas possibilidades voltadas à permanência e à conclusão, como: implantação de programas de permanência com foco nos extratos específicos, assim como adotado para o ingresso, atuação Universidade/Educação Básica e flexibilização dos currículos dos cursos.

Publicado
2019-01-08
Como Citar
Nodari, D. E., Lima, E. G. dos S., & Maciel, C. E. (2019). O desempenho dos estudantes no vestibular e a permanência nos cursos de graduação da UNEMAT. Avaliação: Revista Da Avaliação Da Educação Superior, 23(2). Recuperado de http://periodicos.uniso.br/ojs/index.php/avaliacao/article/view/3477
Seção
Artigos