Funções e contribuições das universidades na geração de inovações

o caso da Região do Grande ABC Paulista

Autores

Palavras-chave:

Universidades, Inovação, Região do Grande ABC.

Resumo

O artigo tem por objetivo descrever as funções e as contribuições das universidades locais no processo de inovação regional. A presença marcante das universidades nas regiões com acentuada inovação e sua interação com empresas fazem emergir a importância da análise das funções e das contribuições das universidades na transferência de conhecimento, de tecnologia e geração de inovações nas diversas regiões que almejam status de regiões inovadoras. Optou-se por uma pesquisa qualitativa, justificada pelo interesse em se analisar de forma mais profunda as variáveis que permeiam o objeto investigado. Verificou-se, a partir de arcabouço teórico-analítico original, que são duas funções e seis contribuições das universidades no processo de inovação regional e que, para a região estudada, essas funções e contribuições existem, mas se apresentam de forma pouco expressiva e desigual.

Referências

ANTUNES, Luiz Guilherme Rodrigues; ARAÚJO, Gustavo Sifuentes; ALMEIDA, Kassia Cristina. Estabelecendo o Modelo de Negócio de Incubadoras. Revista de Administração, Sociedade e Inovação, Volta Redonda, v. 6, n. 1, p. 5-23, 2020.

ARAUJO, Veneziano de Castro; GARCIA, Renato. Determinantes e dependência espacial da inovação nas regiões brasileiras: evidências de um modelo espacial Tobit. Nova Economia, Minas Gerais, v. 29, n. 2, p. 375-400, 2019.

BALESTRIN, Alsones; VERSCHOORE, Jorge. Aprendizagem e inovação no contexto das redes de cooperação entre pequenas e médias empresas. Revista Organizações & Sociedade, Salvador, v. 17, n. 53, p. 311-330, 2010.

BALTAZAR, Luiz Fernando et al. Patentes como fonte de informação tecnológica para subsídio à pesquisa: uma análise amostral da Universidade Federal do ABC. Cadernos de Prospecção, Salvador, v. 10, n. 4, p. 681, 2017.

BERCOWITZ, Janet; FELDMAN, Maryann. Entpreprenerial universities and technology transfer: A conceptual framework for understanding knowledge-based economic development. The Journal of Technology Transfer, Netherlands, v. 31, n. 1, p. 175-188, 2006.

BRASIL. Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Brasília, 1996. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l9394.htm. Acesso em: 28 abr. 2016.

COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NIVEL SUPERIOR -CAPES. Cursos da Pós-Graduação Stricto sensu do Brasil. Disponível em: https://dadosabertos.capes.gov.br/dataset/cursos-da-pos-graduacao-stricto-sensu-do-brasil-de-2013-a-2015. Acesso em: 29 fev. 2018.

CHOI, Jong-in; MARKHAM, Stephen. Creating a Corporate Entrepreneurial Ecosystem: the case of entrepreneurship education in the RTP, USA. Journal of Open Innovation: Technology, Market, and Complexity, Nottingham, v. 5, n. 3, p. 62, 2019.

CONSÓRCIO INTERMUNICIPAL DO GRANDE ABC. Municípios consorciados. Disponível em: http://www.consorcioabc.sp.gov.br/o-grande-abc. Acesso em: 14 jun. 2018.

CONSELHO UNIVERSITÁRIO UNIFESP. Resolução n° 170, de 10 de abril de 2019. São Paulo: UNIFESP, 2019.

DAUB, C. et al. Universities talk, students walk: promoting innovative sustainability projects. International Journal of Sustainability in Higher Education, United Kingdom, v. 21, n. 1, 2020.

ETZKOWITZ, Henry. Reconstrução Criativa: hélice tripla e inovação regional. Revista Inteligência Empresarial, Rio de Janeiro, n. 23, p. 2-13, 2005.

FU, Liping; JIANG, Xiaodi. Does the Multiple-Participant Innovation Improve Regional Innovation Efficiency? A Study of China’s Regional Innovation System. Sustainability, Switzerland, v. 11, n. 17, p. 4658, 2019.

HAIR JUNIOR, Joseph F. et al. Análise multivariada de dados. 5. ed. Porto Alegre: Bookman, 2005.

HERLIANA, Sri. Regional Innovation Cluster for Small and Medium Enterprises - SME: A Triple Helix Concept. Procedia - Social and Behavioral Sciences United Kingdom, v. 169, p. 151-160, 2014

INSTITUTO NACIONAL DE ESTUDOS E PESQUISAS EDUCACIONAIS ANÍSIO TEIXEIRA - INEP. Microdados. Brasília, 2018. Disponível em: http://portal.inep.gov.br/microdados. Acesso em: 24 fev. 2018.

INSTITUTO NACIONAL DA PROPRIEDADE INDUSTRIAL - INPI. Base Patentes. Disponível em: https://gru.inpi.gov.br/pePI/jsp/patentes/PatenteSearchBasico.jsp. Acesso em: 10 fev. 2020.

MANUAL DE OSLO. Diretrizes para coleta e interpretação de dados sobre inovação. Publicação conjunta da OCDE e Eurostat. Rio de Janeiro: FINEP, 2005. Disponível em: http://www.finep.gov.br/images/apoio-e-financiamento/manualoslo.pdf. Acesso em: 10 fev. 2020.

NAIAD. Sobre a NAIAD. Disponível em: https://naiadd.com/ Acesso em: 10 fev. 2020.

OH, Eun-Teak et al. Value creation in regional innovation systems: the case of Taiwan's machine tool enterprises. Technological Forecasting and Social Change United Kingdom, v. 100, p. 118-129, 2015.

ONSMAN, Andrys. Dismantling the perceived barriers to the implementation of national higher education accreditation guidelines in the Kingdom of Saudi Arabia. Journal of Higher Education Policy and Management, London, v. 32, n. 5, p. 511-519, 2010.

PEDRINHO, Gustavo Canaver et al. Universidade e o ecossistema de inovação: revisão estruturada de literatura. Navus-Revista de Gestão e Tecnologia, Florianópolis, v. 10, p. 01-23, 2020.

RUBIN, Tzameret H; AAS, Tor Helge; STEAD, Andrew. Knowledge flow in technological business incubators: Evidence from Australia and Israel. Technovation, United Kingdom, v. 41, n. 42, 2015.

SINDAKIS, Stravos; DEPEIGE, Audrey; ANOYRKATI, Eleni. Customer-centered knowledge management: challenges and implications for knowledge-based innovation in the public transport sector. Journal of Knowledge Management, England, v. 19, n. 3, p. 559-578, 2015.

SOARES, Fabiana de Menezes; PRETE, Ester Kulkamp Eyng (org.). Marco regulatório em ciência, tecnologia e inovação. Texto e contexto da Lei no 13.243/2016. Belo Horizonte: Arraes, p. 35, 2018.

VALENTE, Luciano. Hélice tríplice: metáfora dos anos 90 descreve bem o mais sustentável modelo de sistema de inovação. Conhecimento & Inovação, Campinas, v. 6, n. 1, p. 6-9, 2010.

VILHA, Anapatrícia Morales. Características e Perspectivas das Interações para Inovação entre Universidades e Empresas no Brasil. Revista Economia & Tecnologia, Paraná, v. 9, n. 2, 2013.

Downloads

Publicado

2021-07-30

Como Citar

Penof, D. G. ., & Pamplona, J. B. . (2021). Funções e contribuições das universidades na geração de inovações: o caso da Região do Grande ABC Paulista. Avaliação: Revista Da Avaliação Da Educação Superior, 26(2). Recuperado de http://periodicos.uniso.br/ojs/index.php/avaliacao/article/view/4697

Edição

Seção

Artigos