Subsídios à reflexação: a formação do educador infantil em questionamento.

  • Glauci Kuhen Pletsch
Palavras-chave: Educação infantil. Formação de professores. Profissional reflexivo. Prática pedagógica.

Resumo

Este estudo tem por objetivo focalizar a formação dos profissionais da educação infantil. A Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional, gerada pela Constituição Federal de 1988, promulgada em dezembro de 1996, coloca a educação infantil como a primeira etapa da educação básica. A formação dos professores de educação infantil para o atendimento adequado à faixa etária atendida neste segmento passa a ser uma das preocupações mais abrangentes dos pesquisadores da área. Buscou-se examinar - por meio de cartas, entrevistas e observações - a trajetória de 32 professores da educação infantil, atuantes em escolas infantis da rede privada e pública de Sorocaba, com análises críticas das suas concepções e atuações. As considerações finais apontam a necessidade de priorizar um trabalho permanente de qualificação dos educadores infantis que tome as práticas cotidianas como referência, favorecendo a reflexão sobre o fazer pedagógico e estimulando a busca e o compromisso pela autoformação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Glauci Kuhen Pletsch
Mestre em Educação pela Universidade de Sorocaba. Professora da Universidade de Sorocaba.
Como Citar
PLETSCH, G. Subsídios à reflexação: a formação do educador infantil em questionamento. Quaestio - Revista de Estudos em Educação, v. 5, n. 1, p. p. 141-149, 11.
Seção
Dissertação de Mestrado