A dádiva do Banquete: para uma abordagem vinculacionista da festa

Autores

  • Paulo Roberto Albieiri Nery

Resumo

Em trabalho que se constitui como modelar de uma análise interpretativa ("A festa de Babette: consagração do corpo e embriaguês da alma", Horizontes antropológicos v. 2, n. 4, p. 71-83), a antropóloga goiana Nei Clara de Lima faz uma interpretação do filme "Festa de Babette", do diretor cinematográfico Gabriel Axel, focando sua análise na cosmologia luterana dos valores relativos à alimentação exposta na obra. Com base no mesmo filme, pretendo mostrar a possibilidade de analisá-lo de outro maneira, evocando o que se poderia chamar uma abordagem vinculacionista (ou interdependentista) da festa, na qual são trazidos à discussão os elementos de análise que compõem a teoria maussiana da dádiva (ou dom).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Paulo Roberto Albieiri Nery

Dr. em Antropologia pelo Museu Nacional - UFRJ e Professor-associado na Universidade Federal de Uberlândia.

Como Citar

NERY, P. R. A. A dádiva do Banquete: para uma abordagem vinculacionista da festa. Revista de Estudos Universitários - REU, v. 33, n. 2, 11.

Edição

Seção

Artigos