Construção da imagem do estudante de educação a distância via publicidade

Autores

  • Daniele de Oliveira Garcia Universidade de Sorocaba

Resumo

Esta pesquisa tem como objetivo verificar como se dá a construção da imagem do estudante da educação a distância via publicidade e de que maneira esta construção se deu ao longo do tempo, em paralelo às evoluções tecnológicas que acompanharam a modalidade EaD e às mudanças na linguagem publicitária. Partindo da análise de anúncios selecionados, de acordo com seu enquadramento nas diferentes “gerações de EaD” (MOORE E KEARSLEY, 2007), pretende-se mapear as características do estudante EaD que predominam quando a intenção é divulgar um curso a distância. O trabalho contempla três etapas: 1. Contextualização teórica: 1.1. Acerca da linguagem publicitária, 1.2. Acerca das Retóricas; 1.3. Acerca da retórica da imagem e das figuras de retórica. 2. Contextualização do objeto: história da EaD no Brasil, apresentação das evoluções tecnológicas e do perfil do estudante a distância. 3. Análises das dez peças selecionadas, a fim de verificar as respostas aos questionamentos inicialmente propostos. Para tanto, fundamentamo-nos em Carrascoza (1999), Carvalho (2001) e Citelli (2001) e ao contextualizar linguagem publicitária; em Aristóteles (1979), Perelman e L.Obrechts-Tyteca (2005) e Rebould (2004) para estudar a retórica e em Barthes (1969) e Durand (1974) para tratar da retórica da imagem e das figuras de retórica, respectivamente. Eco (2001), especificamente suas verificações feitas em anúncios publicitários em “A estrutura ausente”, são nosso fundamento na análise das peças selecionadas.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2015-12-11

Como Citar

Garcia, D. de O. (2015). Construção da imagem do estudante de educação a distância via publicidade. Tríade: Comunicação, Cultura E Mídia, 3(6). Recuperado de http://periodicos.uniso.br/ojs/index.php/triade/article/view/2373

Edição

Seção

DISSERTAÇÕES