Avaliação e participação na Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) antes e depois do SINAES

o papel dos Núcleos de Avaliação das Unidades (NAUs)

Autores

DOI:

https://doi.org/10.1590/S1414-40772021000100004

Palavras-chave:

SINAES, Avaliação, Avaliação e participação

Resumo

Este artigo tem como objetivo abordar as características próprias do processo de avaliação na Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), e as consequências diante da implantação do SINAES (Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior). Esse processo teve seus primórdios nos anos 1980, e intensificou-se nos anos 1990, contando com grande participação da comunidade acadêmica, chegando a uma consolidação nos anos 2000 até a contemporaneidade. Os debates sobre avaliação, que se faziam na linha da valorização da participação democrática, com organização de fóruns e seminários, resultaram, ainda naquele período, na formação de Núcleos de Avaliação das Unidades (NAUs). Com o advento do SINAES, em 2004, foi necessário um redirecionamento na arquitetura da avaliação institucional. O sistema previa a criação de Comissões Próprias de Avaliação (CPAs) nas Instituições de Educação Superior, mas não de estruturas descentralizadas. Este artigo busca desenvolver uma reflexão que relaciona o contexto contemporâneo com a necessidade de retomar a relação entre avaliação e participação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BACHELARD, Gaston. O novo espírito científico. São Paulo: Abril Cultural, 1978. (Os pensadores).

BARREYRO, Gladys Beatriz; ROTHEN, José Carlos. Educação e Sociedade, Campinas, v. 27, n. 96 - Especial, p. 955-977, out. 2006.

BOURDIEU, Pierre. O poder simbólico. Rio de Janeiro: Bertrand, 1989.

BRAGA, Ana; LEITE, Denise. Verbete Cultura da Avaliação. In: MOROSINI et al. Enciclopedia de Pedagogia Universitária. Glossário, v. 2. Brasília: INEP / RIES - Rede Sulbrasileira de Investigadores da Educação Superior, 2006. p. 469.

DIAS SOBRINHO, José. Qualidade, avaliação: do SINAES a índices. Avaliação, Campinas; Sorocaba, v. 13, n. 3, p. 817-825, nov. 2008. Disponível em: http://periodicos.uniso.br/ojs/index.php/avaliacao/article/view/284/285 . Acesso em: 2 set. 2019.

KLERING, Luís Roque. Avaliação e controle de desempenho de Universidades. Entrevistada: Profa. Ana Maria e Souza Braga. In: KLERING, L. R. (org.). Temas contemporâneos sobre gestão universitária. Florianópolis: BOOKESS, 2013.

LACERDA, Leo Lynce Valle de. SINAES, teoria e prática: pressupostos epistemológicos em oposição. Avaliação. Campinas; Sorocaba, SP, v. 20, n. 1, p. 87-104, mar. 2015. Disponível em: http://periodicos.uniso.br/ojs/index.php/avaliacao/article/view/2167/1898. Acesso em: 2 set. 2019.

LEITE, Denise (coord.). Inovação como fator de revitalização do ensinar e do aprender na Universidade – o caso da avaliação institucional – estudo desenvolvido por grupos interinstitucionais de pesquisa. Porto Alegre/ UFRGS: Editora UFRGS, 2000.

LEITE, Denise. Reformas universitárias: avaliação institucional participativa. Petrópolis: Vozes, 2005. Disponível em: http://www.ufrgs.br/inov/docs/refrmasuniv_avaliainstpartic. Acesso em: 2 set. 2019.

MAGALHÃES, Nara; RODRIGUES, Cláudia. A Trajetória da Avaliação na UFRGS: entre a avaliação externa e a autoavaliação In: SIMPÓSIO AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃOSUPERIOR, 2., 2016, Porto Alegre. Anais [...]. Porto Alegre, RS: Editora da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, 2016. Repositório digital LUME. Disponível em: http://www.ufrgs.br/avalies2016/anais-do-evento/artigos-1/156467.pdf. Acesso em: 2 set. 2019..

MAGALHÃES, Nara; RODRIGUES, Cláudia. Programas de avaliação externa no ensino superior brasileiro, repercussões até o SINAES e consequências no contexto UFRGS. Avaliação, Campinas; Sorocaba, v. 24, n. 2, p. 475-492, jul. 2019. Disponível em: https://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1414-40772019000200475&script=sci_arttext&tlng=pt. Acesso em: 2 set. 2019.

MAGALHÃES, Nara. Eu vi um Brasil na TV: televisão e cultura em perspectivas antropológicas. Santa Maria, RS: Editora UFSM, 2008.

PEREIRA DE QUEIROZ, Maria Izaura. Relatos orais: do 'Indizível' ao 'Dizível'. In: VON SIMSON, O. M. (org.). Experimentos com histórias de vida (Itália-Brasil). Rio de Janeiro: Vértice, 1988. p. 14-43.

UFRGS. Avaliação Institucional da UFRGS: PAIUFRGS. Projeto UFRGS Século XXI, Compromissos e Ações. 1999.

UFRGS. Secretaria de Avaliação Institucional. Relatório de gestão. 2000. Disponível em: http://www.ufrgs.br/ufrgs/arquivos/relatorios-de-gestao/relatorio-de-gestao-ufrgs-2000. Acesso em: 2 set. 2019.

VERHINE, Robert. Avaliação e regulação da educação superior: uma análise a partir dos primeiros 10 anos do SINAES. Avaliação, Campinas; Sorocaba, SP, v. 20, n. 3, p. 603-619, nov. 2015. Disponível em: http://periodicos.uniso.br/ojs/index.php/avaliacao/article/view/2323/pdf. Acesso em: 2 set. 2019.

YIN, R. K. Case study research: design and methods. Thousand Oaks: SAGE Publications,

Downloads

Publicado

19-04-2021

Como Citar

MAGALHÃES, Nara Maria Emanuelli; RODRIGUES, Claudia Medianeira Cruz. Avaliação e participação na Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) antes e depois do SINAES: o papel dos Núcleos de Avaliação das Unidades (NAUs). Avaliação: Revista da Avaliação da Educação Superior, Campinas; Sorocaba, SP, v. 26, n. 1, 2021. DOI: 10.1590/S1414-40772021000100004. Disponível em: https://periodicos.uniso.br/avaliacao/article/view/4650. Acesso em: 27 maio. 2024.

Edição

Seção

Artigos

Artigos Semelhantes

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41 42 43 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.