Para uma política pública de internacionalização para o ensino superior no Brasil

  • José Alberto Antunes de Miranda Centro Universitário La Salle
  • Luciane Stallivieri Universidade Federal de Santa Catarina
Palavras-chave: Internacionalização., Educação Superior., Políticas públicas, Brasil.

Resumo

A internacionalização das Instituições de Ensino Superior é um tema cada vez mais recorrente nos fóruns internacionais de discussão sobre os rumos da educação mundial e, especialmente, nos últimos anos, no Brasil. Percebe-se que, mesmo presente nos mais privilegiados espaços de reflexão, com atores de alto poder decisório, o tema ainda precisa de amadurecimento, de sistematização de ações, e, principalmente, da elaboração conjunta de políticas públicas de Estado que possam dar um direcionamento para a internacionalização do sistema de Ensino Superior, viável e necessária para o Brasil. A exemplo de outros países, o Brasil também necessita escrever a sua política de internacionalização, com o objetivo de ser protagonista das mudanças do cenário da educação mundial e não apenas observador dos novos movimentos. Tendo presente o modelo de outros países, cujas políticas de internacionalização são públicas e divulgadas, o presente estudo buscou investigar a existência de documentos governamentais que apresentem as políticas para a internacionalização das Instituições de Ensino Superior brasileiras, com vistas ao desenvolvimento econômico, científico e tecnológico do país. Realizou-se um estudo, com base em pesquisa bibliográfica e documental de ações do Governo brasileiro, com relação ao tema da internacionalização do Ensino Superior, bem como em bases de dados de Governos da Alemanha, Colômbia, Espanha, Finlândia e Reino Unido, que comprovadamente possuem altos índices de internacionalização educacional. Detectou-se que o Brasil ainda precisa aprofundar o diálogo entre os atores envolvidos, promover discussões específicas e elaborar suas próprias políticas, dado o número ainda insuficiente de documentos governamentais com essa finalidade. Para a elaboração dessas políticas, foram analisados alguns parâmetros a serem considerados, tais como: identidade, institucionalidade, visibilidade, referência e sustentabilidade.

Publicado
2017-11-09
Como Citar
Miranda, J. A. A. de, & Stallivieri, L. (2017). Para uma política pública de internacionalização para o ensino superior no Brasil. Avaliação - Revista Da Avaliação Da Educação Superior, 22(3), 589-613. Recuperado de http://periodicos.uniso.br/ojs/index.php/avaliacao/article/view/3135
Seção
Artigos