Qualidade do ensino de graduação:

concepções de docentes pesquisadores

Autores

  • Sandra Regina Soares
  • Maria Isabel Cunha

Resumo

O texto expõe parte dos resultados de uma pesquisa, de abordagem qualitativa, que buscou compreender o papel da relação entre ensino e pesquisa nas representações acerca de qualidade do ensino de graduação de dezenove professores de cursos de graduação, pesquisadores experientes, que atuam simultaneamente na pós-graduação stricto sensu de uma universidade pública. Inicia com uma reflexão sobre o conceito de qualidade do ensino superior e sobre o ensino com pesquisa. Destaca, entre as evidências do estudo, a falta de clareza sobre esse conceito, a falta de problematização acerca da formação e do perfil de profissional que desenvolvem ou gostariam de desenvolver, a quase inexistência de lugar para o ensino com pesquisa na graduação, apesar da expertise dos depoentes em pesquisa. Aspectos que denotam a prevalência de um estilo de ser professor e de uma cultura institucional que contribuem para a permanência da pedagogia universitária na invisibilidade e para a instalação processual, sem negociação, da perspectiva de qualidade produtivista.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2017-08-01

Como Citar

SOARES, S. R.; CUNHA, M. I. Qualidade do ensino de graduação:: concepções de docentes pesquisadores. Avaliação: Revista da Avaliação da Educação Superior, Campinas; Sorocaba, SP, v. 22, n. 2, 2017. Disponível em: https://periodicos.uniso.br/avaliacao/article/view/3040. Acesso em: 1 fev. 2023.

Edição

Seção

Artigos