ANÁLISE DOS INDICADORES DE GESTÃO DAS IFES E O DESEMPENHO DISCENTE NO ENADE

Autores

  • Glauber de Castro Barbosa
  • Fátima de Souza Freire
  • Vicente Lima Crisóstomo

Resumo

Em nível mundial há uma tendência de avaliação do ensino superior, considerando-se aspectos institucionais e de desempenho discente. No Brasil, o tema tem sido debatido há algum tempo com processos concretos de avaliação sendo implantados recentemente. As Instituições Federais de Ensino Superior (IFES) estão sendo avaliadas por meio de indicadores de gestão propostos pelo Tribunal de Contas da União (TCU). Por outro lado, o desempenho discente de graduandos está sendo avaliado através do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (ENADE). De certa forma, os indicadores de gestão podem ser instrumentos adicionais de apoio para a gestão de IFES. O objetivo deste trabalho é analisar possíveis relações entre indicadores de gestão e desem­penho discente. Para tanto, pesquisou-se uma amostra de 52 IFES no período de 2006 a 2008. Os resultados indicam que, de fato, alguns indicadores de gestão parecem ser capazes de influenciar o desempenho discente. Este é o caso, por exemplo, do custo por aluno que apresentou um efeito positivo sobre o desempenho dos alunos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Como Citar

BARBOSA, Glauber de Castro; FREIRE, Fátima de Souza; CRISÓSTOMO, Vicente Lima. ANÁLISE DOS INDICADORES DE GESTÃO DAS IFES E O DESEMPENHO DISCENTE NO ENADE. Avaliação: Revista da Avaliação da Educação Superior, Campinas; Sorocaba, SP, v. 16, n. 2, 2011. Disponível em: https://periodicos.uniso.br/avaliacao/article/view/894. Acesso em: 26 maio. 2024.

Edição

Seção

Artigos