A Estética do engajamento do itaú na #instamission38

Autores

  • Larissa Neves Araújo Universidade Federal da Bahia - FACOM
  • Regina Gomes Souza

DOI:

https://doi.org/10.22484/2318-5694.2018v6n12p62-78

Resumo

O presente artigo concebe a mídia social Instagram como cenário de convergência entre novas e velhas plataformas comunicacionais no intuito de analisar as estratégias de visualidade da produção imagética do #Instamission38: “Fotografe o que transforma o mundo”, promovida pelo banco Itaú. Para tal, a noção de Branded Content na publicidade delineia o Instamission enquanto uma experiência de entretenimento ancorada na prática colaborativa fotográfica, de modo que os seus usuários sejam concebidos como sujeitos criativos para qual o consumo adquire novas significações aportando uma identidade de pertencimento global que nos será útil para esclarecer uma estética do engajamento no regime de visibilidade contemporâneo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Larissa Neves Araújo, Universidade Federal da Bahia - FACOM

Mestre em Comunicação e Cultura Contemporâneas pela Universidade Federal da Bahia - UFBA. Professora do curso de graduação em publicidade e propaganda da Universidade Salvador – UNIFACS.

Regina Gomes Souza

Doutora em Ciências da Comunicação pela Universidade Nova de Lisboa – NOVA. Professora do programa de pós – graduação  em comunicação e cultura contemporâneas da Universidade Federal da Bahia – UFBA.

Publicado

2018-09-05

Como Citar

Araújo, L. N., & Souza, R. G. (2018). A Estética do engajamento do itaú na #instamission38. Tríade: Revista De Comunicação, Cultura E Mídia, 6(12). https://doi.org/10.22484/2318-5694.2018v6n12p62-78

Edição

Seção

ARTIGOS - Outras Perspectivas