Índice geral de cursos e qualidade na educação superior

o caso das IES do Estado da Bahia

Autores

DOI:

https://doi.org/10.1590/s1414-407720190001000011

Resumo

Este artigo apresenta uma reflexão do processo de avaliação da Educação Superior, com destaque para o Índice Geral de Curso (ICG) nas Instituições de Ensino Superior (IES) no estado da Bahia. Integrado ao Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes), o ICG considera vários aspectos para mensurar a qualidade das IES, foi criado para ser um índice de qualidade e que se somaria a outros indicadores para impulsionar a avaliação, contudo, seus objetivos foram alterados de maneira que tem impactado nos resultados institucionais. Trata-se de uma investigação quali-quanti que se utiliza de fontes bibliográficas, documental, bem como de dados estatísticos das IES no estado da Bahia. Conclui-se que a avaliação do Ensino Superior, tem se transformado num instrumento de promoção do ranqueamento das IES, públicas e privadas, causando, com isso, sérios desafios para a gestão institucional.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

08-05-2019

Como Citar

MENDES, Ana Luiza Fernandes; DUTRA, Norivan Lustosa Lisboa. Índice geral de cursos e qualidade na educação superior: o caso das IES do Estado da Bahia. Avaliação: Revista da Avaliação da Educação Superior, Campinas; Sorocaba, SP, v. 24, n. 1, 2019. DOI: 10.1590/s1414-407720190001000011. Disponível em: https://periodicos.uniso.br/avaliacao/article/view/3618. Acesso em: 27 maio. 2024.

Edição

Seção

Artigos