Desterritorialização e redes sociais digitais: uma análise das fanpages de Folha de S.Paulo e Estadão no Facebook

Autores

  • Carlos Sanchotene Universidade Vale do Rio Doce

Resumo

Examinamos a desterritorialização do jornalismo no cenário das redes sociais digitais a partir da análise das postagens com conteúdos de notícias locais/regionais, nacionais e internacionais nas fanpages de Folha de S.Paulo e Estadão no Facebook. Verificamos, também, quais editorias são as mais privilegiadas pelos jornais. Os resultados apontam que os jornais de âmbito nacional em redes sociais digitais têm raízes e uma estreita relação com o local, fortalecendo os laços identitários.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Carlos Sanchotene, Universidade Vale do Rio Doce

Jornalista. Doutor em Comunicação e Cultura Contemporâneas pela Universidade Federal da Bahia. Mestre em Ciências da Comunicação pela Unisinos. Professor na Universidade Vale do Rio Doce.

Publicado

2015-12-11

Como Citar

Sanchotene, C. (2015). Desterritorialização e redes sociais digitais: uma análise das fanpages de Folha de S.Paulo e Estadão no Facebook. Tríade: Comunicação, Cultura E Mídia, 3(6). Recuperado de http://periodicos.uniso.br/ojs/index.php/triade/article/view/2269

Edição

Seção

DOSSIÊ