Gêneros populares e cinema transnacional na Europa mediterrânea

o filme de aventuras de cape et d’épeé

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22484/2318-5694.2020v8n19p159-176

Resumo

A aposta na coprodução cinematográfica entre os países da Europa mediterrânea permitiu, entre meados das décadas de 1950 e 1970, o florescimento de gêneros populares como o peplum, o filme de cape et d’épeé e o spaghetti western. Frequentemente analisados numa perspetiva puramente nacional, estes filmes representam, contudo, um exemplo paradigmático do desenvolvimento de um cinema transnacional da Europa Mediterrânea, que permitiu às indústrias cinematográficas italiana, francesa e espanhola (por vezes com a participação minoritária de produtores das antigas Jugoslávia e RFA), combater a hegemonia comercial do cinema de Hollywood. Um dos maiores sucessos do chamado filme de cape et d’épée, Le Bossu/O Corcunda (A. Hunebelle, 1959), constitui um bom caso de estudo para melhor compreender as principais características do cinema transnacional da Europa mediterrânea e a sua relação com o cinema de Hollywood.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jorge Manuel Neves Carrega, Universidade do Algarve

PhD em Comunicação, Cultura e Artes FCHS/UAlg - Universidade do Algarve; Pós-Doc em Cinema Transnacional da Europa Mediterrânea, Mestre em Literatura Comparada;  Membro do Departamento da UAlg e do CIAC

Referências

ANDRE Hunebelle. Box Office Story. Disponível em: http://www.boxofficestory.com/andre-hunebelle-box-office-a95136969.

ATKINSON, Barry. Heroes Never Die: The Italian Peplum Phenomenon 1950-1967. London: Midnight Marquee Press, 2017.

BERGFELDER, Tim. The Nation Vanishes: European co-productions and popular genre formula in the 1950s and 1960s. In: HJORT, Mette; MACKENZIE, Scott. (Ed.). Cinema and Nation. London: Routledge, 2000. p. 131-142.

CARREGA, Jorge. Géneros Populares y cine transnacional en la Europa Mediterránea: André Hunbelle y el cine de aventuras. Ámbitos, Córdoba, n. 38, 2017.

DI CHIARA, Francesco. Peplum, il cinema italiano alle prese col mondo antico. Roma: Donzelli editore, 2016.

FANFAN la Tulipe, Imdb. Disponível em: https://www.imdb.com/title/tt0044602/mediaviewer/rm2998943232.

HJORT, Mette. On the plurality of cinematic transnationalism. In: DUROVICOVÁ, Natasa; NEWMAN, Kathleen E. World Cinemas, Transnational Perspectives. New York: Routledge, 2009.

LE BOSSU – Jean Marais 1959. Box Office Story. Disponível em: http://www.boxofficestory.com/le-bossu-jean-marais-box-office-1959-a91180269.

O CORCUNDA (1959) Technical Specifications. Imdb. Disponível em: https://www.imdb.com/title/tt0052644/technical?ref_=tt_dt_spec.

PALMA, Paola. Viaggio in Francia: Pathé Italian-French co-productions in the 1950s and 1960s. Journal of Italian Cinema & Media Studies, v. 5, n. 3, 2017.

SHAW, Deborah. Deconstructing and reconstructing transnational cinema. In: DENNINSON, Stephanie (Ed.). Contemporary Hispanic cinema: interrogating transnationalism in Spanish and Latin American film. London: Tamesis, 2013.

TEMPLE, Michael; WITT, Michael (Ed.). The French Cinema Book. London: BFI, 2004.

Publicado

2020-12-29

Como Citar

Carrega, J. M. N. . (2020). Gêneros populares e cinema transnacional na Europa mediterrânea: o filme de aventuras de cape et d’épeé. Tríade: Revista De Comunicação, Cultura E Mídia, 8(19), 159-176. https://doi.org/10.22484/2318-5694.2020v8n19p159-176