A igreja inclusiva e a (re) construção de identidades religiosas vivências e subjetividades de adeptos homossexuais

Autores

  • Robéria Nádia Araújo Nascimento Universidade Estadual da Paraíba - UEPB

DOI:

https://doi.org/10.22484/2318-5694.2018v6n11p107%20-%20123

Resumo

O texto observa as relações da cultura midiática com o campo religioso para refletir sobre o lugar da sexualidade nas igrejas cristãs, apresentando narrativas de adeptos homossexuais da Igreja da Comunidade Metropolitana (ICM) de João Pessoa, Paraíba. A denominada “Igreja Inclusiva” desenvolve um trabalho litúrgico aberto à comunidade LGBT ao propor a afirmação das suas identidades e o enfrentamento dos estigmas (GOFFMAN, 1988). As interlocuções com os fiéis indicam sensibilidades e subjetividades em prol do pertencimento religioso e da valorização das alteridades à revelia de uma sociedade excludente e preconceituosa. Nesse sentido, o enfoque pretende colaborar para a compreensão das novas formas de religiosidade das minorias sexuais, sugerindo incursões midiáticas acerca da diversidade para além da disseminação de estereótipos heteronormativos sobre o masculino ou o feminino.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Robéria Nádia Araújo Nascimento, Universidade Estadual da Paraíba - UEPB

Professora Titular da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB). Doutora em Educação pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB). Membro dos Grupos de Pesquisa Comunicação, Cultura e Desenvolvimento e Comunicação, Memória e Cultura Popular da Linha de Pesquisa Mídia e Estudos Culturais do Departamento de Comunicação Social da UEPB.

Downloads

Publicado

2018-05-05

Como Citar

Nádia Araújo Nascimento, R. (2018). A igreja inclusiva e a (re) construção de identidades religiosas vivências e subjetividades de adeptos homossexuais. Tríade: Comunicação, Cultura E Mídia, 6(11). https://doi.org/10.22484/2318-5694.2018v6n11p107 - 123