Deep Web

o que podemos compreender olhando para o invisível?

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22484/2318-5694.2021v9n22p181-203

Resumo

Este artigo apresenta uma análise dos dados coletados na Deep Web, discutindo suas expressões a partir dos conceitos de Disciplina (FOUCAULT, 2010) e Dialética do Esclarecimento (ADORNO; HORKHEIMER, 1985). Este espaço virtual é caracterizado por ser amplamente protegido de identificações por parte das autoridades, permitindo a utilização dos seus internautas sem consequências legais e sociais o que potencializa expressões e ideias que seriam reprimidas em um ambiente no qual a verificação do autor fosse percebida. Assim sendo, por meio de uma pesquisa exploratória, navegou-se pelo ambiente observando os principais sítios virtuais e, por meio da análise destes, considerou-se que os reiterados espaços de manifestação apontam para a compreensão de que nosso atual avanço tecnológico ainda contrasta com a barbárie que, reprimida socialmente, expressa-se no submundo da internet.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marsiel Pacífico, UEMS

Professor Permanente do Programa de Mestrado Profissional em Educação - PROFEDUC/UEMS. Professor Adjunto da Universidade Estadual do Mato Grosso do Sul (UEMS) Unidade Universitária de Jardim. Líder dos Grupos de Estudo e Pesquisa: TCEducS - Teoria Crítica, Educação e Sociedade & NeuroPraPe - Neuroeducação e as Práticas Pedagógicas. Doutor em Educação (2013-2017) na linha de pesquisa do PPGE/UFSCAR "Educação, Cultura e Subjetividade", Mestre em Educação (2010-2012) na linha de "Filosofia, História e Sociologia da Educação" pela Universidade Federal de São Carlos onde também graduou-se em Pedagogia (2006-2009). Além disso é Especialista em Docência do Ensino Superior e Educação à Distância (FAVENI) e em Neuroeducação (Faculdades Campos Elíseos). Atuou nas instituições de ensino superior: UFAM, UEPG, UNESP/Araraquara, UNIFRAN e Faculdades Campos Elíseos (FCE); além de ter sido professor de ensino fundamental (2010-2012) e gestor escolar (2013-2017) na rede municipal de São Carlos.

Referências

ADORNO, T. W. Educação e Emancipação. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1995.

ADORNO, T. W. Minima moralia: reflexões a partir da vida danificada. São Paulo: Ática, 1992.

ADORNO, T. W.; HORKHEIMER, M. Dialética do esclarecimento: fragmentos filosóficos. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 1985.

AGRELA, L. Os 50 sites mais acessados do Brasil e do mundo. Exame, 2017. Disponível em: https://exame.abril.com.br/tecnologia/os-50-sites-mais-acessados-do-brasil-e-do-mundo/. Acesso em: 20 mai. 2018.

BERGMAN, M. K. White Paper: The Deep Web: Surfacing Hidden Value. The jornal of electronic publishing, v. 7, Issue 1, Taking License, Aug. 2001. DOI: https://doi.org/10.3998/3336451.0007.104

DUARTE, D.; MEALHA, T. Introdução à “Deep web”. IET Working Papers Series, Lisboa, n. WPS01, 2016.

FOUCAULT, M. Vigiar e punir: nascimento da prisão. Petrópolis: Vozes, 2010.

FRANCO, D. P.; MAGALHÃES, S. R. A Dark Web – Navegando no lado obscuro da internet. Amazônia em Foco, Castanhal, v. 4, n. 6, p. 18-33, jan./jul., 2015.

GIL, A. C. Métodos e técnicas de pesquisa social. 5 ed. São Paulo: Atlas, 1999.

INVISIBLE or deep web: what it is, how to find it, and its inherent ambiguity, Berkeley Library, University of California, 2014. Disponível em: http://www.lib.berkeley.edu/TeachingLib/Guides/Internet/InvisibleWeb.html. Acesso em: 18 jan. 2016.

MARK. Você conhece o novo órgão do governo que combate crime na Deep Web? Deep Web, 2016. Disponível em: http://blog.deepwebbrasil.com/voce-conhece-o-novo-orgao-do-governo-que-combate-crimes-na-deep-web/. Acesso em: 10 out. 2016.

NETTO, A. Dilma cobra ‘tudo’ sobre espionagem, e Obama vê ‘grande tensão’ na relação. Estadão, 2013. Disponível em: http://politica.estadao.com.br/noticias/geral,dilma-cobra-tudo-sobre-espionagem-e-obama-ve-grande-tensao-na-relacao,1072103. Acesso em: 10 jan. 2016.

POMPÉO, W. A. H.; SEEFELDT, J. P. Nem tudo está no google: Deep web e o perigo da invisibilidade. In: CONGRESSO INTERNACIONAL DE DIREITO E CONTEMPORANEIDADE, 2., 2013, Santa Maria, RS. Anais [...]. Santa Maria, RS: Universidade Federal de Santa Maira, 2013.

SANDERS, E. The Family: The Story of Charles Manson's Dune Buggy Attack Battalion. 1 ed. Londres: Editora Dutton, 1972. DOI: https://doi.org/10.3817/0672012129

SILVA, M. A. R.; XAVIER, F. C. Deep web e a Rede TOR: qual a sua relação. Revista Phronesis, ano I, v. 2, p. 64-76, 2015.

THAKKAR, D. Seven things you didn’t know about the Deep Web. CSO from DIG, 2016. Disponível em: http://www.cso.com.au/article/579375/seven-things-didn-t-know-about-Deep-web/%3E. Acesso em: 20 out. 2016.

ZARA, A. Novas ofertas na ‘deep web’ incluem assassinatos e ‘vaquinhas’ para crimes. Folha de S. Paulo, 2015. Disponível em: http://www1.folha.uol.com.br/tec/2015/08/1669067-novas-ofertas-na-deep-web-incluem-assassinatos-e-vaquinhas-para-crimes.shtml. Acesso em: 25 jan. 2016.

Downloads

Publicado

2022-02-08

Como Citar

Pacífico, M., & Gomes, L. R. . (2022). Deep Web: o que podemos compreender olhando para o invisível?. Tríade: Comunicação, Cultura E Mídia, 9(22), 181–203. https://doi.org/10.22484/2318-5694.2021v9n22p181-203