Gêneros televisivos – do melodrama à complexidade virtual: retomada dos formatos ficcionais

Autores

  • Marcia Perencim Tondato

Resumo

Na perspectiva da transmidiação televisiva, aqui são retomadas conceituações de gêneros com foco na telenovela por sua capacidade de mesclar antigas tradições ficcionais com elementos do universo popular e influências vindas de outros ramos da produção industrializada da cultura, complexificando a trama ideológica social. Nascida no âmbito da comercialização, a telenovela opera hoje com elementos visuais que remetem ao centro da condição contemporânea, marcada por contradições e misturas, adentrando os cotidianos, mais do que nunca midiatizados, exigindo que o gênero adentre os espaços virtuais. Areflexão a partir dos gêneros se dá por serem categorias que refletem momentos da sociedade, auxiliando a produção e leitura dos mesmos, tratando o tempo e a estrutura da narrativa de forma diferenciada, vinculada às possibilidades da tecnologia televisiva, às condições dramatúrgicas de seu desenvolvimento, bem como às formas de sua apropriação, quer pelas indústrias culturais, quer pelos consumidores.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Como Citar

Tondato, M. P. (1). Gêneros televisivos – do melodrama à complexidade virtual: retomada dos formatos ficcionais. Tríade: Revista De Comunicação, Cultura E Mídia, 2(4). Recuperado de http://periodicos.uniso.br/ojs/index.php/triade/article/view/2106