A construção da notícia esportiva

conceitos e autores

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22484/2177-5788.2020v46n2p231-254

Palavras-chave:

Jornalismo esportivo, Notícia, Jornalismo

Resumo

Este artigo pretende realizar uma discussão acerca do processo de produção da notícia esportiva, elencando categorias que explicam a construção do relato dentro desta editoria. Partindo de uma breve conceitualização da notícia dentro da práxis jornalística, aprofunda-se a discussão sobre os elementos inerentes à produção noticiosa de um fato esportivo. O desenvolvimento de um relato jornalístico na área de esportes vai além das regras comuns a outros setores, como política e economia, e utiliza técnicas do infotenimento. Além disso, observa-se a utilização de sete categorias presentes na construção da notícia: olimpianos, valores olímpicos, modalidades, resultados, ciência, gestão e imagens técnicas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ALSINA, Miguel Rodrigo. A construção da notícia. Petrópolis: Vozes, 2009.

BARTHES, Roland. Ensayos críticos. Buenos Aires: Seix Barral, 2003.

BARTHES, Roland. O que é o esporte? In: Revista Serrote, São Paulo, n. 3, p. 97-105, 2009.

BERTRAND, Claude-Jean. A deontología das mídias. Bauru: Edusc, 1999.

BETTI, Mauro. A janela de vidro: esporte, televisão e educação física. Campinas: Papirus, 1998.

BETTI, Mauro. Esporte na Mídia ou Esporte da Mídia? Revista Motrivivência. Ano XII, nº 17, p. 107 – 112, Setembro de 2001.

BOURDIER, Pierre. Sobre a televisão. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editora, 1997.

BRACHT, Valter. Sociologia crítica do esporte: uma introdução. Ijuí: Editora Unijuí, 2005.

BUENO, Wilson da Costa. Chutando Prá Fora: os equívocos do jornalismo esportivo brasileiro. In: MARQUES, José Carlos; CARVALHO, Sergio; CAMARGO, Vera Regina Toledo [Org.]. Comunicação e esporte: tendências. Santa Maria: Pallotti, 2005.

BURKETT, Warren. Jornalismo científico: como escrever sobre ciência, medicina e alta tecnologia para os meios de comunicação. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 1990.

CHANG, Francisco. “Jornalismo Olímpico”. In: DA COSTA, L.; HATZIDAKIS, J. Estudos Olímpicos 2001. Revista Coletânea de Textos. São Paulo: UNIBAN, 2001.

DEBORD, Guy. A sociedade do espetáculo. Rio de Janeiro: Contraponto, 1997.

ERBOLATO, Mário de Lucca. Jornalismo especializado: emissão de textos no jornalismo impresso. São Paulo: Atlas, 1981.

FLUSSER, Vilém. O universo das imagens técnicas: elogio da superficialidade. São Paulo: Annablume, 2008.

FONSECA, Ouhydes João Augusto da. Cartola e o jornalista: influência da política clubística no jornalismo esportivo de São Paulo. 1981. 201 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Comunicação) – Programa de Pós-graduação em Ciências da Comunicação, Escola de Comunicações e Artes, Universidade de São Paulo, São Paulo, 1981.

GUMBRECHT, Hans Ulrich. Elogio da beleza atlética. São Paulo: Companhia das Letras, 2007.

HUIZINGA, Johan. Homo Ludens. São Paulo: Perspectiva, 2000.

KENNEDY, Eileen; HILLS, Laura. Sport, Media and Society. Oxford: Berg Publishers, 2009.

LAGE, Nilson. Linguagem jornalística. São Paulo: Ática, 1985.

MARCONDES FILHO, Ciro. Ser jornalista: o desafio das tecnologias e o fim das ilusões. São Paulo: Paulus, 2009.

MARQUES, Renato Francisco Rodrigues. O conceito de esporte como fenômeno globalizado: pluralidade e controvérsias. Rev. Observatorio del Deporte ODEP, Santiago, 2015, v. 1, n.1, janeiro-março 2015, p. 147-185. Disponível em: http://www.revistaobservatoriodeldeporte.cl/gallery/11%20oficial%20articulo%20vol%201%20num%201%202015%20rev%20odep.pdf. Acesso em: 22 mar. 2020.

MEDINA, Cremilda. Notícia, um produto à venda. São Paulo: Summus, 1988.

MELO, José Marques de. A opinião no jornalismo brasileiro. Petrópolis: Vozes, 1985.

MELO, José Marques de; RIBEIRO, José Hamilton. Jornalismo científico: teoria e prática. São Paulo: INTERCOM, 2014.

MELO, Victor Andrade de. Cinema & esporte: diálogos. Rio de Janeiro: Aeroplano, 2006.

MORIN, Edgar. Cultura de massas no século XX: o espírito do tempo I – neurose. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2011.

OLIVEIRA, José Guilmar Mariz de. Esporte: Caracterização e Conceituação. In: TAMBUCCI, Pascoal Luiz; OLIVEIRA, José Guilmar Mariz de; SOBRINHO, José Coelho. Esporte e jornalismo. São Paulo: CEPEUSP, 1997.

PADEIRO, Carlos Henrique de Souza. O predomínio do entretenimento no jornalismo esportivo brasileiro. 2015. 126 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Comunicação) – Programa de Pós-graduação em Ciências da Comunicação, Escola de Comunicações e Artes, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2015.

PRONI, Marcelo Weishaupt. Esporte-Espetáculo e Futebol-Empresa. 1998. 275 f. Tese (Doutorado em Educação Física) – Programa de Pós-graduação da Faculdade de Educação Física, Universidade Estadual de Campinas, São Paulo, 1998.

ROCCO JÚNIOR, Ary José. Marketing e gestão do esporte. São Paulo: Atlas, 2012.

ROCHA, Cláudio Miranda da; BASTOS, Flávia da Cunha. Gestão do Esporte: definindo a área. Rev. Bras. Educ. Fís. Esporte, São Paulo, 2011, vol. 25, p. 91-103. Disponível em: http://www.periodicos.usp.br/rbefe/article/view/16846/18559. Acesso em: 30 out. 2019.

RUBIO, Kátia. Entrevista 1. [ago. 2019]. Entrevistador: Gustavo de Araújo Longo. São Paulo, 2019. 1 arquivo .mp3 (30 min.).

RUBIO, Kátia. O atleta e o mito do herói: o imaginário esportivo contemporâneo. São Paulo: Casa dos Psicólogos, 2001.

RÚBIO, Kátia. O imaginário da derrota no esporte Contemporâneo. Psicol, Soc. 2006, vol. 18, nº 1, p. 86-91. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/psoc/v18n1/a12v18n1.pdf. Acesso em: 22 out. 2019.

SCHUDSON, Michael. Descobrindo a notícia: uma história social dos jornais nos Estados Unidos. Petrópolis: Vozes, 2010.

SEVCENKO, Nicolau. Futebol, Metrópoles e Desatinos. Revista USP Dossiê Futebol, 1994, nº 22, p. 30-37. Disponível em: http://www.revistas.usp.br/revusp/article/view/26956/28734 Acesso em: 22 out. 2019.

SODRÉ, Muniz. A narração do fato: notas para uma teoria do acontecimento. Petrópolis: Vozes, 2012.

SOUSA, Jorge Pedro. Teorias da notícia e do jornalismo. Chapecó: Argos, 2002.

SPA, Miguel de Moragas. Deporte y medios de comunicación. Sinergías crecientes. Telos. Fundacion Telefonica, junho-agosto 1994, nº 34, p. 1-7. Disponível em: https://telos.fundaciontelefonica.com/telos/anteriores/index2.html?num_038.html. Acesso em: 22 mar. 2020.

SPONHOLZ, Liriam. Jornalismo, conhecimento e objetividade: além do espelho e das construções. Florianópolis: Insular, 2009.

TUBINO, Manoel José Gomes. O que é esporte? São Paulo: Brasiliense, 1999.

Publicado

2020-12-17

Como Citar

MALULY, L.; LONGO, G. DE A. A construção da notícia esportiva: conceitos e autores. Revista de Estudos Universitários - REU, v. 46, n. 2, p. 231-254, 17 dez. 2020.

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##