Educação especial e inclusiva

a criação de um eixo específico em eventos nacionais de matemática

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22483/2177-5796.2021v23n3p785-796

Palavras-chave:

Educação especial, Educação matemática, Educação inclusiva.

Resumo

A educação especial é um tema difundido universalmente, por isso, este artigo busca demonstrar a importância dessa discussão através de análises de pesquisadores da área, como Delors, Kassar, Rocha, entre outros. Além disso, busca mostrar seu processo evolutivo e embasar suas normativas pelas Leis e Decretos federais que constituem a forma em que a educação especial é realizada na rede regular de ensino. Por fim, porém não menos importante, também retratamos como é executada a educação especial no contexto matemático e as implicações que tais leis trazem, voltando o olhar aos eventos nacionais e a criação de um eixo especifico de educação especial e inclusiva nestes eventos. O texto está dividido em três momentos: no primeiro momento fala sobre a conquista da Educação Especial; em seguida, trata sobre a Educação Especial nas escolas; e finaliza com a inserção em eventos. Com isso, concluímos que a inserção de uma educação mais igualitária para todos ainda caminha a passos lentos, no entanto, há grandes progressos oriundos de discussões de pesquisadores, estudantes e tantos outros que pensam nessa educação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ellen Cristina Carvalho Rodrigues, Universidade do Estado do Pará

Licenciada em Matemática pela Universidade do Estado do Pará. Especialização em andamento em Educação Especial e Inclusiva. Universidade do Estado do Pará, Centro de Ciências Sociais e Educação. Atualmente, atua como professora no projeto "Mais Educação" para alunos do ensino fundamental no município de Ananindeua/PA. 

Pedro Franco de Sá , Universidade do Estado do Pará

Graduado em Licenciatura Plena em Matemática pela Universidade Federal do Pará, mestre em Matemática pela Universidade Federal do Pará e doutor em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte. É professor Titular de Educação Matemática do Departamento de Matemática, Estatística e Informática. É docente fundador do Programa de Mestrado em Educação do CCSE- UEPA, docente fundador da REAMEC e docente fundador do Programa de Mestrado Profissional em Ensino de Matemática do CCSE- UEPA. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Educação Matemática, atuando principalmente nos seguintes temas: educação matemática, ensino de matemática por atividades, matemática no ensino fundamental e uso de novas tecnologias em sala de aula, em particular uso didático da calculadora. 

Referências

BRASIL. Decreto nº 6.571, de 17 de setembro de 2008. Dispõe sobre o atendimento educacional especializado. Brasília: Planalto Central, 2008.

BRASIL. Lei n. 12.796, de 4 de abril de 2013. Altera a Lei n. 9.394 de 20 de dezembro de 1996, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional, para dispor sobre a formação dos profissionais da educação e dar outras providências. Brasília: Planalto Central, 2013.

BRASIL. Ministério da Educação. Resolução nº 4, de 2 de outubro de 2009. Brasília: Planalto Central, 2009. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/dmdocuments/rceb004_09.pdf. Acesso em: 17 nov. 2019.

BRASIL. Ministério da Educação e do Desporto. Lei 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Brasília: MEC/SEF, 1996.

D´AMBROSIO, Ubiratan. A educação matemática na década de 1990: perspectivas e desafios. In: ENCONTRO NACIONAL DE EDUCAÇÃO MATEMÁTICA – ENEM, 1., 1987, São Paulo. Anais [...]. São Paulo: PUC-SP, 1987. p. 3-10.

DELORS, Jacques. La educación encierra un tesoro. Madrid: Santillana; Ediciones UNESCO, 1996.

FERNANDES, Solange Hassan Ahmad Ali.; HEALY, Lulu. Algebraic expressions of deaf students: connecting visuo-gestural and dynamic digital representations. In: CONFERÊNCIA DO GRUPO INTERNACIONAL PARA A PSICOLOGIA DA EDUCAÇÃO, 38.; CONFERÊNCIA DO CAPÍTULO NORTE-AMERICANO DE PSICOLOGIA DA EDUCAÇÃO MATEMÁTICA, 36., 2014, Vancouver. Anais [...]. Vancouver: PME, 2014. v. 3. p. 49-56. .

FERNANDES, Solange Hassan Ahmad Ali; HEALY, Lulu. Trajetória dos significados e operacionalizações atribuídos a inclusão no programa rumo a educação matemática inclusiva. In: ENCONTRO NACIONAL DE EDUCAÇÃO MATEMÁTICA – ENEM, 13., 2019, Cuiabá. Anais [...]. Cuiabá: ENEM, 2019. p. 28-48. Tema: Educação Matemática com as Escolas da Educação Básica – Interfaces entre pesquisas e salas de aula.

KASSAR, Monica de Carvalho Magalhães. Educação especial na perspectiva da educação inclusiva: desafios da implantação de uma política nacional. Educar em Revista, Curitiba, n. 41, p. 61-79, jul./set. 2011.

KOEPSEL, Ana Paula Poffo. Materiais didáticos no ensino de matemática para estudante com deficiência visual. In: ENCONTRO BRASILEIRO DE ESTUDANTE DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO MATEMÁTICA – EBRAPEM, 20., 2016, Curitiba. Anais [...]. Curitiba: EBRAPEM, 2016. Disponível em: http://www.ebrapem2016.ufpr.br/wp-content/uploads/2016/04/gd13_ana_koepsel. Acesso em: 17 nov. 2019.

PIMENTA, Selma Garrido; LIMA, Maria Socorro Lucena. Estágio: diferentes concepções. In: PIMENTA, Selma Garrido; LIMA, Maria Socorro Lucena. Estágio e docência. São Paulo: Cortez Editora, 2018. E-book. Disponível em: https://books.google.com.br/books/about/Est%C3%A1gio_e_doc%C3%AAncia.html?id=NXdZDwAAQBAJ&printsec=frontcover&source=kp_read_button&redir_esc=y#v=onepage&q&f=false. Acesso em: 17 nov. 2019.

ROCHA, Artur Batista de Oliveira. O papel do professor na educação inclusiva. Ensaios Pedagógicos, Curitiba, v. 7, n. 2, 1-11, jul. /dez. 2017.

RODRIGUES, Thiago Donda. Educação matemática inclusiva. Interfaces da Educação, Paranaíba, v. 1, n. 3, p. 84-92, 2010.

ROMANELLI, Otaiza de Oliveira. História da educação no Brasil: 1930-1973. Petrópolis: Vozes, 1989.

SÁ, Elizabet Dias de; CAMPOS, Izilda Maria de; SILVA, Myriam Beatriz Campolina. Atendimento educacional especializado: deficiência visual. Brasília: SEESP/SEED/MEC, 2007. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/seesp/arquivos/pdf/aee_dv.pdf. Acesso em: 8 jan. 2020.

SÃO PAULO. Decreto nº 5.884 de 21 de abril de 1933. Institue o Código de Educação do Estado de São Paulo. São Paulo, 1933. Disponível em: https://www.al.sp.gov.br/repositorio/legislacao/decreto/1933/decreto-5884-21.04.1933.html. Acesso em: 17 de novembro de 2019.

SASSAKI, R. K. Inclusão: construindo uma sociedade para todos. Rio de Janeiro: WVA, 1997.

Downloads

Publicado

2021-11-05

Como Citar

RODRIGUES, E. C. C. .; SÁ , P. F. de. Educação especial e inclusiva: a criação de um eixo específico em eventos nacionais de matemática. Quaestio - Revista de Estudos em Educação, [S. l.], v. 23, n. 3, p. 785–796, 2021. DOI: 10.22483/2177-5796.2021v23n3p785-796. Disponível em: http://periodicos.uniso.br/ojs/index.php/quaestio/article/view/3828. Acesso em: 27 nov. 2021.

Edição

Seção

Artigos de Demanda