Educação e Aprendizagem ao Longo da Vida (EALV)

intersecções com a Educação de Jovens e Adultos

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22483/2177-5796.2023v25id5184

Palavras-chave:

educação e aprendizagem ao longo da vida, educação de jovens e adultos, conferência internacional de jovens e adultos.

Resumo

A Educação e Aprendizagem ao Longo da Vida (EALV) e sua relação com a Educação de Jovens e Adultos é o objeto central deste artigo. EALV e EJA se correlacionam por meio de um longo histórico de intersecções conceituais e da garantia do direito à educação, para diferentes faixas etárias da população, durante toda a vida. Por meio de um estudo qualitativo, descritivo e exploratório, embasado em pesquisa documental e bibliográfica, apresentam-se, neste artigo, elementos que vão desde o percurso histórico da EALV nas edições Conferência Internacional de Jovens e Adultos (CONFINTEA) até suas diferentes ocorrências em normativos e documentos nacionais e internacionais. O recorte da EALV no âmbito da EJA é especificamente explorado após este percurso de apresentação e esclarecimento, com o intuito de se alcançar o resultado de um panorama atual entre ambas as conceituações, lançando mão de referenciais teóricos da EJA que exploraram sua relação com EALV nos séculos XX e XXI e representantes e experiências de implementações contemporâneas dessa intersecção como o Marco de Marrakesh, de 2022, e as Diretrizes Nacionais da Educação de Jovens e Adultos, de 2021.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Gilvan Charles Cerqueira de Araújo, Universidade Católica de Brasília

Mestre em Geografia pela Universidade de Brasília, Doutor em Geografia pela Universidade Estadual Paulista, UNESP-Campus de Rio Claro. 

Downloads

Publicado

19-12-2023

Como Citar

ARAÚJO, Gilvan Charles Cerqueira de. Educação e Aprendizagem ao Longo da Vida (EALV): intersecções com a Educação de Jovens e Adultos. Quaestio - Revista de Estudos em Educação, Sorocaba, SP, v. 25, p. e023049, 2023. DOI: 10.22483/2177-5796.2023v25id5184. Disponível em: https://periodicos.uniso.br/quaestio/article/view/5184. Acesso em: 23 fev. 2024.

Edição

Seção

Artigos de Demanda