Educação Especial na Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica

o que dizem as produções científicas?

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22483/2177-5796.2024v26id5196

Palavras-chave:

educação especial, inclusão escolar, Napne.

Resumo

Neste artigo objetiva-se explorar as produções científicas (teses e dissertações) que abordam a inclusão educacional, o Núcleo de Atendimento às Pessoas com Necessidades Educacionais Específicas (Napne) e o acesso e permanência do público da Educação Especial na Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica. Foram consultados o Catálogo de Teses e Dissertações — Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) e a Biblioteca Digital Brasileira de Teses e Dissertações (BDTD). Os dados foram organizados a partir do recorte temporal 2009 a 2022, recorte do tema e definição das fontes. Os resultados das pesquisas demonstram que as instituições da Rede Federal ainda enfrentam dificuldades, tais como carência de profissionais, falta de acessibilidade e formação de professores assim como de servidores para atender os alunos público da Educação Especial. A continuidade de pesquisas sobre o tema pode subsidiar o poder público na tomada de decisões, corrigir rumos, propor estratégias e prover os Napnes de informações valiosas para o aprimoramento de suas ações, considerando as diferentes instituições do país.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jaqueline Zanotti Dalmonech, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul - Câmpus Pantanal

Mestre em Educação pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul - Campus Pantanal (UFMS - CPAN). Graduanda em Letras - Libras -Língua Portuguesa pela Universidade Estácio de Sá (UNESA). Graduada em Pedagogia pela Escola Superior São Francisco de Assis (ESFA), É especialista em Libras pela Faculdade de Venda Nova do Imigrante (FAVENI), Especialista em Educação Inclusiva e Diversidade e Especialista em Educação de Jovens e Adultos ambos pelo Instituto Superior de Educação e Cultura Ulysses Boyd.

Andressa Santos Rebelo, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul - Campus Pantanal

Doutora em Educação, com mestrado em Educação pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS). Graduada em Matemática-Licenciatura, pela UFMS. Realizou estágios de pós-doutorado na Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD) e na Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ). 

Downloads

Publicado

08-05-2024

Como Citar

DALMONECH, Jaqueline Zanotti; REBELO, Andressa Santos. Educação Especial na Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica: o que dizem as produções científicas?. Quaestio - Revista de Estudos em Educação, Sorocaba, SP, v. 26, p. e024004, 2024. DOI: 10.22483/2177-5796.2024v26id5196. Disponível em: https://periodicos.uniso.br/quaestio/article/view/5196. Acesso em: 18 jun. 2024.

Edição

Seção

Artigos de Demanda