O ideário educacional iluminista na produção da escola pública

Autores

  • Ribamar Nogueira da Silva
  • Heulalia Charalo Rafante

Resumo

No diálogo com algumas teses do livro “A Produção da Escola Pública Contemporânea”, o artigo busca, em textos clássicos de autores iluministas e em propostas e projetos de lei elaborados pelos revolucionários burgueses, elementos para sustentar a hipótese de existência de intencionalidade da burguesia — expressa pela defesa dos seus interesses de classe na concepção do ideário educacional — como uma das determinações objetivas que dificultaram a expansão da Escola Pública nos séculos XVIII e XIX. Nesse percurso, constata-se que a defesa de uma educação baseada no desenvolvimento dos talentos naturais poderia resultar em um sistema de ensino dualista, favorecendo a consolidação da classe burguesa que ascendia ao poder.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

13-07-2016

Como Citar

SILVA, Ribamar Nogueira da; RAFANTE, Heulalia Charalo. O ideário educacional iluminista na produção da escola pública. Quaestio - Revista de Estudos em Educação, Sorocaba, SP, v. 18, n. 1, 2016. Disponível em: https://periodicos.uniso.br/quaestio/article/view/2582. Acesso em: 19 maio. 2024.

Edição

Seção

Artigos de Demanda