Memória e gênero:

incursões teóricas sobre a educação de mulheres em cursos “masculinos”

  • Edileuza de Sarges Almeida Universidade Federal do Pará
  • Clarice Nascimento de Melo Universidade Federal do Pará
Palavras-chave: Gênero., Gênero. Memória. Educação de Mulheres, Memória., Educação de mulheres.

Resumo

Este artigo intenciona somar na problematização e na discussão teórica sobre os processos e práticas de educação de mulheres em cursos de graduação considerados historicamente como masculinos.  Situa o problema da pesquisa por meio da apresentação do lócus da pesquisa, da criação e da especificidade dos cursos de Engenharia Civil, Engenharia Elétrica e Engenharia Mecânica do Campus Universitário de Tucuruí da Universidade Federal do Pará. Apresenta a articulação entre o conceito de gênero e o de memória, este último articulado à metodologia da história oral, para discutir sobre as possibilidades do estudo sobre as razões, os modos e os efeitos dos estereótipos de gênero na constituição, no decorrer dos processos formativos, das identidades de mulheres egressas desses cursos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Edileuza de Sarges Almeida, Universidade Federal do Pará

Discente do Programa de Pós Graduação em Educação da Universidade Federal do Pará.

Clarice Nascimento de Melo, Universidade Federal do Pará
Professora Adjunto IV da Faculdade de Educação na área de história da educação e ensino de história

Referências

BOSI, Ecléa. Memória e sociedade: lembranças de velhos. 3. ed. São Paulo: Cia. das Letras, 1994.
BRASIL. Convênio nº 001, de 12 de agosto de 2005. Convênio firmado entre as Centrais Elétricas do Norte do Brasil S.A – ELETRONORTE e a Universidade Federal do Pará – UFPA. Mimeografado.
BRASIL. MEC. Censo da Educação Superior, 2012. 2012. Disponível em: . Acesso em: 1 dez. 2016.
CABRAL, Carla Giovana; OLIVEIRA, Angélica Genuíno de. Igualdade de gênero em ciência e tecnologia como indicador para um desenvolvimento social. 2011. Disponível em: . Acesso em: 5 maio 2014.
CONNEL, Robert W. Políticas da masculinidade. Educação e Realidade, Porto Alegre, v. 20, n. 2, p. 185-206, jul./dez. 1995.
FOUCAULT. Michel. Vigiar e punir: nascimento da prisão. Petrópolis: Vozes, 1987.
GARCIA, Loreley. Era uma vez... o uso da história oral nos estudos de gênero. Mneme - Revista Virtual de Humanidades, n. 11, v. 5, jul./set. 2004. Disponível em: . Acesso em: 7 abr. 2014.
INSTITUTO NACIONAL DE ESTUDOS E PESQUISAS EDUCACIONAIS ANÍSIO TEIXEIRA - INEP. Censo da educação superior: 2011 – resumo técnico. Brasília: INEP, 2013.
LOMBARDI. Maria Rosa. A engenharia brasileira contemporânea e a contribuição das mulheres nas mudanças recentes do campo profissional. Revista Tecnologia e Sociedade, Curitiba, n. 2, p. 109-131, 1º semestre de 2006.
LOURO, Guacira Lopes. Gênero, sexualidade e educação: uma perspectiva pós-estruturalista. Petrópolis: Vozes, 1997.
MONTENEGRO, Antônio Torres. História oral e memória: a cultura popular revisitada. 3. ed. São Paulo: Contexto, 1994.
PORTELLI, Alessandro. História oral como gênero. Projeto História, São Paulo, v. 22, p. 9-41, set. 2001.
SALVATICI, Silvia. Memórias de Gênero: reflexões sobre a história oral de mulheres. História Oral, v. 8, n. 1, p. 29-42, jan./jun. 2005. Disponível em: . Acesso em: 1dez. 2016.
SANTHIAGO, Ricardo. Da fonte oral à história oral: debates sobre legitimidade. Saeculum - Revista de História, João Pessoa, n. 18, p.33-46, jan./jun. 2008.
SANTOS, Ramofly Bicalho dos. Projeto: memória, história de vida e identidade: a educação não-formal no MST. Margens - Revista Multidisciplinar do Núcleo de Pesquisa-CUBT/UFPA, Natal, v. 2, n. 3, p. 157-167, jun. 2005.
SCOTT, Joan. Gênero: uma categoria útil de análises histórica. Educação e Realidade, Porto Alegre, v. 1, n. 1, p. 71-99, 1995. Disponível em: . Acesso em: 1 dez. 2016.
SOUZA, Elza Maria de. Reminiscências: as lembranças como patrimônio social. Revista Humanidades: terceira idade, Natal, v. 46, p. 103-109, out. 1999.
TEBET, Mani. Mulheres na engenharia: transgressões? Fazendo Gênero 8 – Corpo, violência e poder, Florianópolis, de 25 a 28 de agosto de 2008. Disponível em: . Acesso em: 8 jun. 2014.
TEIXEIRA, Alessandra Luisa. Trabalho feminino e reestruturação produtiva: formas reconfiguradas de exploração ou novos horizontes de emancipação? In: PIMENTA, Solange Maria; CORRÊA, Maria Laetitia. (Org). Gestão, trabalho e cidadania: novas articulações. Belo Horizonte: Autêntica/ CEPEAD/FACE/UFMG, 2001. p. 345-358.
THOMPSON, Paul. A voz do passado: história oral. 2. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1992.
Publicado
2017-05-09
Como Citar
ALMEIDA, E.; MELO, C. Memória e gênero:. Quaestio - Revista de Estudos em Educação, v. 19, n. 1, p. 11-28, 9 maio 2017.
Seção
Artigos