Convivência, ética, e autoridade na educação infantil

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22483/2177-5796.2021v23n3p699-720

Palavras-chave:

Educação Infantil, Ética, Autoridade.

Resumo

Investigamos neste estudo os aspectos éticos da convivência na escola de Educação Infantil e o uso da autoridade pelo professor. Indagamos sobre as situações éticas enfrentadas pelos professores na prática docente para compreender como conduzem a relação com alunos e famílias. Dez professores participaram deste estudo. Foi utilizada uma metodologia qualitativa com entrevistas individuais gravadas e transcritas. Os relatos foram analisados de modo descritivo com identificação e caracterização das diferentes situações éticas enfrentadas e das reflexões sobre cada uma delas. Constatamos que os professores usavam sua autoridade enquanto poder, ou seja, desvinculada das decisões com as famílias e as crianças. Esta forma de autoridade não considera o modo de relacionamento da criança nas famílias e não favorece a aproximação e o respeito. As relações sociais na escola permitem ao professor construir uma ética de convivência, por meio da qual irá formar sua autoridade e participar das transformações na sociedade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Martha Marlene Wankler Hoppe, Universidade Estadual do Rio Grande do Sul - UERGS

Psicóloga e Doutora em Psicologia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Docente no curso de Licenciatura em Letras. Professor Adjunto da Universidade Estadual do Rio Grande do Sul. Desenvolve estudos e pesquisas na área de Arte, Literatura e Psicanálise.

 

Tatiane Lopes do Santos, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado RS - FAPERGS

Graduada em Administração - Sistemas e Serviços de Saúde pela Universidade Estadual do Rio Grande do Sul - UERGS. Bolsista de Iniciação Científica FAPERGS.

Referências

ARENDT, Hannah. O que é autoridade? In: ARENDT, Hanna. Entre o passado e o futuro. São Paulo: Perspectiva, 2000. p. 127-187.

BRASIL. Congresso. Senado. LDB - Lei de diretrizes e bases da educação nacional. 3. ed. atualizada. Brasília: Senado Federal, Coordenação de Edições Técnicas, 2019. Disponível em: https://www2.senado.leg.br/bdsf/bitstream/handle/id/559748/lei_de_diretrizes_e_bases_3ed.pdf?sequence=1&isAllowed=y. Acesso em: 5 maio 2020.

CALLIGARIS, Contardo. Ética e estética do desejo. Entrevista. Jornal da Unicamp, Campinas, 13 a 19 de outubro de 2003. p. 11.

DUARTE, José B. Estudos de caso em educação. Investigação em profundidade com recursos reduzidos e outro modo de generalização. Revista Lusófona de Educação, Lisboa, n. 11, p. 113-132, jan./jun. 2008.

GUILLOT, Gérard. O resgate da autoridade em educação. Porto Alegre: Artmed, 2008.

HOUAISS. Dicionário Houaiss da língua portuguesa. São Paulo: Objetiva, 2009.

LA TAILLE, Yves. Formação ética: do tédio ao respeito de si. Porto Alegre: Artmed, 2009.

LA TAILLE, Yves. Moral e ética: dimensões intelectuais e afetivas. Porto Alegre: Artmed, 2006.

LEITE, Sandra R. M.; CARVALHO, Alonso B. Ética na educação infantil: o caminho para uma educação acolhedora e humanizadora. In: CONGRESSO NACIONAL DE EDUCAÇÃO - EDUCERE, 13., 2017, Curitiba. Anais [...]. Curitiba: Educere; PUCPR, 2017. p. 8581-8594. Disponível em: https://educere.bruc.com.br/arquivo/pdf2017/24227_12932.pdf. Acesso em: 8 maio 2019.

LIMA, Anne Elen de Oliveira. A ética e o ensino infantil: o desenvolvimento moral a pré-escola. 2003. Dissertação (Mestrado em Educação) - Faculdade de Filosofia e Ciências, Universidade Estadual Paulista - Campus Marília, Marília, 2003. Disponível em: https://repositorio.unesp.br/bitstream/handle/11449/91263/lima_aeo_me_mar.pdf?sequence=1&isAllowed=y. Acesso em: 4 maio 2019.

MEIRIEU, Philippe. Frankenstein educador. Barcelona: Laertes, 1998.

MEIRIEU, Philippe. A pedagogia entre o dizer e o fazer: a coragem de começar. Porto Alegre: Artmed, 2002.

SPINELLI, Miguel. Sobre as diferenças entre éthos com epsílon e êthos com eta. Trans/Form/Ação, São Paulo, v. 32, n. 2, p. 9-44, 2009

TUGENDHAT, Ernst. Lições sobre ética. 5. ed. Petrópolis: Vozes, 1996.

Downloads

Publicado

2021-11-05

Como Citar

HOPPE, M. M. W.; SANTOS, T. L. do. Convivência, ética, e autoridade na educação infantil. Quaestio - Revista de Estudos em Educação, [S. l.], v. 23, n. 3, p. 699–720, 2021. DOI: 10.22483/2177-5796.2021v23n3p699-720. Disponível em: http://periodicos.uniso.br/ojs/index.php/quaestio/article/view/3714. Acesso em: 27 nov. 2021.

Edição

Seção

Dossiê - Práticas pedagógicas