Ações docentes no ensino de Filosofia no Ensino Médio

Autores

  • Cleder Mariano Belieri Universidade Estadual de Maringá
  • Marta Sueli de Faria Sforni Universidade Estadual de Maringá

DOI:

https://doi.org/10.22483/2177-5796.2017v19n3p689-710

Resumo

Este artigo apresenta resultados de uma pesquisa realizada com a finalidade de investigar como o ensino de Filosofia pode contribuir para o desenvolvimento do pensamento teórico de alunos do Ensino Médio. Com base em aportes da Teoria Histórico-Cultural, foi elaborado um experimento didático, desenvolvido em uma turma de 3º ano do Ensino Médio de um colégio estadual paranaense. O experimento didático revelou que a narrativa como situação-problema, aulas dialogadas, discussão em grupo e leitura de textos clássicos de Filosofia são ações que favorecem a formação e o desenvolvimento nos estudantes de um pensamento mediado por conceitos filosóficos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Cleder Mariano Belieri, Universidade Estadual de Maringá

Graduado em Filosofia, Mestre e Doutor em Educação pela Universidade Estadual de Maringá, Professor de Filosofia na Educação Básica da Rede Pública Estadual do Paraná.

Marta Sueli de Faria Sforni, Universidade Estadual de Maringá

Professora do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Estadual de Maringá e do Departamento de Teoria e Prática da Educação da mesma universidade, área de didática e prática de ensino.

Publicado

2017-11-16

Como Citar

BELIERI, C. M.; SFORNI, M. S. de F. Ações docentes no ensino de Filosofia no Ensino Médio. Quaestio - Revista de Estudos em Educação, Sorocaba, SP, v. 19, n. 3, 2017. DOI: 10.22483/2177-5796.2017v19n3p689-710. Disponível em: https://periodicos.uniso.br/quaestio/article/view/2998. Acesso em: 29 nov. 2022.

Edição

Seção

Artigos